90 coisas para jogar fora – organização e limpeza

O ideal seria ter em casa somente com o que é necessário. Manter coisas velhas, quebradas ou que simplesmente não usamos é acumular itens supérfluos em nossas vidas, que levam à falta de espaço, à desorganização e ainda sugam energia vital.

Com a chegada de uma nova integrante na família, nos vimos obrigados a reorganizar o apartamento, remanejando vários itens e, principalmente, nos livrando de muitos outros.

Mas o que temos em casa que podemos eliminar sem dó nem piedade?

*Lembrando que não se trata apenas de jogar coisas fora… muitos itens podem ser vendidos ou doados para quem precisa mais que você!

coisas para jogar fora

Mãos à obra e vamos aos itens que é provável que você tenha encalhado pela casa e pode descartar:

  1. Papelada antiga – confira qual o prazo que você deve manter cada documento, e no caso de contas, vale solicitar a certidão de quitação anual.
  2. Revistas e jornais antigos.
  3. Calendários antigos.
  4. Livros que você não vai ler, ou já leu e não vai reler.
  5. Cupons de descontos vencidos.
  6. Cardápios de delivery que você nunca olha – porque aqui os menus de pizzaria sempre vão para a gaveta em vez de ir para o lixo?
  7. Canhotos de tickets de entrada para eventos, como teatro, cinema, galerias – se faz questão de guardar, organize-os em álbuns de recordações.
  8. Livros de colorir completos.
  9. Listas telefônicas.
  10. Livros escolares antigos.
  11. Catálogos.
  12. Correspondência de propaganda.
  13. Livros de receitas sem uso. Eu tenho as receitas das comidas que mais faço impressas, mas as que são só de vez em nunca, são pesquisadas na hora no amigo google.
  14. Materiais de conferências que você participou – bloquinhos, crachá, pastinhas…
  15. Tecnologia antiga, como disquetes, fitas cassetes, VHS.
  16. Cabos de equipamentos que você nem tem mais.
  17. CDs de música que você não ouve mais.
  18. DVDs de filmes que você nunca mais vai rever.
  19. Caixas (de produtos antigos, de aparelhos eletrônicos, de sapatos, de cereais…).
  20. Cabides da lavanderia.
  21. Cabides de plástico das lojas.
  22. Maquiagem com prazo de validade vencido, ou mesmo maquiagem que você testou, não gostou e nunca mais vai usar.
  23. Cremes (rosto, corpo etc.) que você nunca usa.
  24. Produtos para cabelo sem uso.
  25. Perfumes sem uso.
  26. Vidrinhos com esmalte duro.
  27. Protetor solar com prazo de validade vencido.
  28. Acessórios para cabelo sem uso.
  29. Prendedores de cabelo com elástico gasto.
  30. Bijuteria que você nunca usa.
  31. Brincos sem par.
  32. Roupas que não são mais do seu tamanho – se ficaram grandes, passe adiante; se você está tentando emagrecer, você merece roupas novas e atuais quando alcançar o tamanho menor desejado.
  33. Roupas que você não usa mais, que fazem você se sentir feio, fora de moda etc.
  34. Roupas velhas, furadas, manchadas.
  35. Roupas pequenas de crianças. Podem ser guardadas caso você tenha planos de ter outro filho. Roupas de bebês são poucas vezes usadas, podem ser vendidas ou reaproveitadas por amigas ou parentes. E claro, roupas em bom estado podem ser doadas.
  36. Roupas de baixo que você não usa, que estão lá para casos de emergência, mas que você odeia.
  37. Meias sem par ou com buracos.
  38. Meia calça rasgada – aquela que você guarda para “usar por baixo da calça num dia frio”, mas nunca usou.
  39. Sapatos gastos, velhos, que você não usa mais, incluindo tênis e chinelos.
  40. Cachecóis e lenços sem uso.
  41. Cintos gastos, fora de moda ou que não cabem mais.
  42. Cadarços extras – quem aqui costuma trocar os cadarços dos sapatos?
  43. Chapéus que você nunca usa.
  44. Toalhas velhas e gastas.
  45. Lençóis velhos e gastos.
  46. Botões órfãos – se você não costura, descarte-os.
  47. Brinquedos e jogos que não são mais usados.
  48. Jogos com peças faltando.
  49. Jogos de videogame que você nunca mais vai jogar.
  50. Bichinhos de pelúcia antigos.
  51. Medicamentos com prazo de validade vencido – verifique como descartar com segurança em alguma farmácia.
  52. Comida com prazo de validade vencido em sua geladeira ou despensa.
  53. Temperos velhos – temperos não estragam, mas perdem a potência, se você tem vidrinhos com temperos que nem lembra desde quando estão ali, descarte-os.
  54. Potinhos de plástico sem uso, especialmente os que não tem mais tampa.
  55. Ornamentos para casa que você não usa desde quando redecorou.
  56. Canetas e lápis – mantenha alguns organizados e descarte o excesso, principalmente as canetas sem tinta!
  57. Canetas marca texto ou canetinhas sem tampa, ou tampinhas sem caneta.
  58. Tubinhos de shampoo e cremes de hotéis.
  59. Amostras de produtos – use, doe ou descarte.
  60. Ferramentas enferrujadas.
  61. Parafusos e porcas avulsos, a não ser que você costume fazer trabalhos manuais e vá usá-los.
  62. Decoração de datas comemorativas que você nunca lembra de usar – como aquele enfeite para porta de Natal que nunca é pendurado.
  63. Lâmpadas de Natal quebradas/queimadas.
  64. Produtos de limpeza que você testou e não gostou – podem ser reaproveitados em instituições de caridade.
  65. Flores secas.
  66. Potinhos de flores – plante uma flor ou descarte-os. Também vale para os pratinhos de água, caso você não tenha flores em casa.
  67. Produtos de jardinagem sem uso, como pesticidas, herbicidas e fertilizantes.
  68. Sacolas de lojas que você “pode precisar”.
  69. Garrafas vazias.
  70. Potes de conservas sem uso.
  71. Xícaras e canecas extras, fora de conjuntos – esses não conseguimos eliminar, adoramos copos diferentes, e eu não consigo desapegar de canecas órfans porém fofas.
  72. Chaveiros sem uso – quem não tem aqueles chaveirinhos que ganhou de lembrancinha da viagem de um amigo e nunca usou?
  73. Chaves que você nem sabe mais o que abrem.
  74. Pilhas e baterias sem carga ou que você nem lembra com que produto vieram – há locais de coleta especiais para esse tipo de produto, informe-se!
  75. Óculos de grau antigos, quando você já mudou o grau.
  76. Baralhos com cartas faltando.
  77. Plástico bolha – quem não vive se mudando não tem necessidade de ter estoque em casa.
  78. Bolsas, carteiras e malas sem uso.
  79. Instrumentos musicais que você não toca mais.
  80. Equipamentos de esportes que você não pratica mais.
  81. Cola instantânea seca.
  82. Utensílios infantis de todo tipo, já sem uso – doe para entidades que ajudam crianças carentes.
  83. Aparelhos de telefone celular antigos.
  84. Capinhas de telefone antigas.
  85. Cartuchos de tinta usados – podem ser reabastecidos.
  86. Gravuras/posters que você nunca vai pendurar.
  87. Molduras sem uso.
  88. Relógios quebrados.
  89. Porta copos sem uso.
  90. Tinta velha, que sobrou da última vez que você pintou as paredes.

A lista é infinita, você pode eliminar tudo que não faz você se sentir bem, que você não usa, que não faz falta, que está quebrado etc.

Comece a faxina por um cômodo, ou até mesmo por um armário, e vá limpando a casa e a alma aos poucos!


Anúncios

2 comentários sobre “90 coisas para jogar fora – organização e limpeza

  1. Tenho mto que desapegar e jogar fora o que relamente não uso, as vezes não é fácil, porém necessário.
    mto boas dicassss

Deixe seu comentário - se tiver dúvidas sobre esta postagem, por favor, não mande por e-mail, coloque aqui, pois sua dúvida pode ser a dúvida de outros:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s