Cancun, México – Dicas de viagem: shoppings e nado com golfinhos – Parte 4/5

Fomos nadar com golfinhos e contamos tudo aqui! Também falamos sobre compras em Cancun. Toda viagem pede umas comprinhas, nem que seja de souveniers, não é mesmo? Na verdade não fomos a Cancun com intenção de fazer compras, não fomos a muitos shoppings, mas contamos um pouco sobre o La Isla, o Kukulcan Plaza e o Plaza las Amercicas.

No vídeo mostramos o La Isla e o aquário onde nadamos com golfinhos:

La Isla Shopping Village

O La Isla fica no centro de Cancun, é de fácil acesso partindo de qualquer hotel da Zona Hoteleira, fica na Avenida Kukulcan, a avenida principal.

Mesmo para quem não quer fazer compras, vale o passeio. Ele é bem bonitinho, é aberto e na parte de trás tem um lago. É bastante movimentado, tem muitas marcas e também algumas lojinhas de produtos típicos/souveriers. Tem também restaurantes e agentes de turismo em quiosques.

Souveniers compramos tudo por ali mesmo, não fomos a nenhum mercado típico de artesanato.

Lago atras shopping La Isla, Cancun, México.

Nado com golfinhos

No Shopping La Isla fica um aquário interativo, onde você pode nadar com golfinhos e ver uma apresentação deles no fim do dia.

A compra para o mergulho com golfinhos pode ser realizada pelo site do aquário ou lá mesmo na bilheteria. Fomos na noite anterior até lá e deixamos agendado para o dia seguinte. Há 3 opções de mergulho: grupo de 10 pessoas (45 minutos), grupo de 4 pessoas (60 minutos) e casal (75 minutos). As atividades são diferentes em cada uma das opções. Como estávamos em quatro pessoas e queríamos fazer o “foot push”, atividade na qual dois golfinhos te sustentam sobre a água, optamos pelo grupo de 4 pessoas. O foot push só é feito nos grupos de 4 pessoas e casais.

Tocamos nos golfinhos, beijamos, abraçamos, fizemos o foot push… eles são muito inteligentes e foi tudo sensacional! Acabou rápido, mas valeu a pena, e também pensamos que ficar muito mais tempo ali começaria a ficar cansativo. Na verdade, marcamos a atividade para as 15h00, e a água da piscina estava bem gelada, então não foi tãaao agradável assim ficar na piscina. Lembrando que fomos em dezembro, quando lá é inverno. Nosso pitaco é agendar para de manhã ou mais próximo ao meio-dia durante o inverno. Acreditamos que no verão não tenha esse problema, pois a temperatura vai estar muito mais agradável. Depois da piscina, há chuveiros para banho quente e eles fornecem toalhas.

golfinhos cancun

golfinhos cancun

Os valores para o nado com golfinhos são salgadinhos, mas vale a dica que já demos antes de pechinchar. Conversamos lá com um agente de vendas do aquário e conseguimos um bom desconto para o grupo! Na finaleira eles vendem as fotos da atividade. Vale lembrar que não é permitido entrar na piscina com máquinas, só é possível tirar fotos do alto da piscina e do restante do aquário, sem flash. Então quem quiser fotos com os golfinhos tem que comprar deles e infelizmente não é nada barato.

O aquário em si não é tão rico em variedades, vale mais pela experiência com os golfinhos mesmo. O ticket para entrada no aquário também dá direito a voltar lá as 18h30, quando há uma apresentação dos golfinhos, dessa vez com os treinadores. É lindo! Como falamos, eles são muito inteligentes, além de serem muito rápidos, bem treinados, ah, e exibidos, quando veem uma câmera, aparecem para a foto. Ficamos maravilhados com o show! No vídeo acima mostramos um pouco do show.

Shopping Kukulcan Plaza

O Kukulcan é mais moderno, e seu chamariz é uma ala nobre, a Luxury Avenue. Também fica na Zona Hoteleira, mas acabamos não indo nesse shopping. A Carol e o Thiago foram, mas não acharam nada demais. Eles que estavam mais na pilha de ir ao shopping todo dia acabaram voltando várias vezes no La Isla, que gostaram mais.

Depoimento da Carol sobre o Kukulcan:

“Achamos uma decepção. Tinha muitas lojas fechadas para reforma e não tinha muita coisa de bonito e chique como esperávamos. Não procuramos muitas coisas além de cosméticos mas as coisas eram mais caras (uns 10%) e tudo que vimos ali tinha também no La Isla, inclusive algumas lojas de grife. Fora da praça de alimentação vimos dois restaurantes bem bonitos que pareciam bons e caros.”

Museu da Tequila

No Kukulcan fica o Museu da Tequila, queríamos ir lá para conhecer, mas preferimos tomar uns drinks no hotel rsrs. A Carol e o Thiago foram no museu, e falaram que não perdemos nada, que era um canto dentro de uma loja de presentes, escuro, sem guia, sem explicações.

Plaza Las Americas Shopping

Fica fora da Zona Hoteleira, não estava em nossos planos, mas como o tempo fechou, fomos lá num fim de tarde conhecê-lo. Não tem nenhum ônibus que vai direto da zona hoteleira até lá, mas pegamos um ônibus que deixa a umas quatro quadras do shopping. Pedimos para avisarem onde tínhamos que saltar do ônibus, e depois pedimos informação na rua. Foi simples de chegar. O retorno é da mesma forma, percorremos o mesmo caminho até o ponto e voltamos para o hotel. Para quem não quer se aventurar a pegar ônibus de linha, o táxi custa em torno de 10 dólares cada trecho (lembrando que o ônibus é um dólar por pessoa). Tem que ficar ligado, porque um taxista quis nos cobrar 100 dólares, e quando percebeu que não iríamos, falou que era 10 dólares, olha a cara de pau!

Nesse shopping não tem tantos turistas, até porque é fora do circuito turístico, mas estava bem cheio (do pessoal de lá mesmo). É bem legal, tem boas lojas e os preços são um pouco melhores que o La Isla. As lojas de perfume tem preços melhores que no free shop, fica a dica!

 

Mais da nossa viagem a Cancun:

Clipe com highligths

Nossa experiência no Hotel Riu Caribe

Passeio Chichén Itzá e cenote sagrado

Balada: Coco Bongo

Cancún – Dicas Extras

 

Anúncios

15 comentários sobre “Cancun, México – Dicas de viagem: shoppings e nado com golfinhos – Parte 4/5

  1. Oii!! Pesquisando na internet sobre Cancún achei o blog de vcs, e depois vi que moram na minha terra rsrsrs. Eu e meu marido vamos para Cancún em maio e estou adorando as dicas que vocês deram de lá, principalmente porque também vamos ficar na rede Riu de hotéis. Queria saber se vocês levaram duas câmeras fotográficas ou apenas uma que filma embaixo d’água?
    beijão

    • Oi Thay! Que legal que gostou e que bom que as dicas estão sendo úteis!! Ainda vamos publicar mais um post sobre Cancun na próxima segunda-feira. A câmera que usamos para filmar foi uma Gopro, e ela pode ir na água. Levamos outra câmera filmadora, mas só usamos na parte em que estamos sentados falando sobre os passeios (nos vídeos), não passeamos com ela porque é maior… e para fotos levamos uma câmera fotográfica normal, essas do tamanho de um celular. No hotel é bem tranquilo, mas nos passeios não gostamos de sair com equipamentos… Vocês vão adorar a viagem!! Já quero voltarrrr rsrs Beijo.

  2. Oii Joana! Brigadão por ter respondido! Estamos muito na dúvida de qual câmera comprar, se uma nikon profissional, que possamos aproveitar mais depois, ou uma a prova dágua! Mais vamos pensar melhor pq ainda temos um certo tempo. Aguardarei o próximo post de lá então.
    Bjss

    • Oi Thay! Se vocês têm um celular que faça boas fotos, de repente o melhor seja comprar uma capinha que vai em baixo d’água. Uma máquina semi profissional Nikon já é um pouco maior e exige mais preocupação e cuidado, aconselhamos algo mais prático… Mas também se vocês vão usar depois é outra questão… 😉 beijo.

  3. Poisé, tinhamos pensado também em comprar a Nikon e mais uma capinha pra usar na nossa máquina digital, daquelas normais porque se estregar não tem problema, rsrs o celular não sei, acho que ficaria com medo.. Vamos ver..
    Jo, valeuu pela super atenção!
    Bjão

  4. Pingback: Cancun, México – Dicas de viagem: Coco Bongo e Dicas Extras | Pitacos do Casal

  5. Pingback: Bucket list: nadar com golfinhos | Pitacos do Casal

  6. Pingback: Cancun – highlights | Pitacos do Casal

  7. Pingback: Cancun, México – Hotel Riu Caribe | Pitacos do Casal

  8. Pingback: Cancun, México – Chichén Itzá | Pitacos do Casal

  9. Pingback: Bucket list: beber tequila no México | Pitacos do Casal

  10. Pingback: Bucket list: Tomar mezcal e comer a larva | Pitacos do Casal

  11. Oi! Estou em cancun e pesquisando achei o blog de vocês. Vale a pena trocar dolar por pesos mexicanos e estar sempre comparando o câmbio. Por exemplo, a passagem de ônibus eh 10,5 pesos e 1 dolar eqüivale a 17,30 pesos. Há um ônibus que passa na zona hoteleira e deixa em frente ao shopping plaza das Américas . O nome eh r-27. Tanto para ir como para voltar. E o taxi fica 150 pesos por trecho, sem chorar desconto. Tudo tem que se negociar. O passeio pra chitchen itza paguei 50 dólares, mas tinha pessoas que pagaram 26 dólares e 109 dólares..diferença enorme!

    • Oi Camila,
      realmente, os preços variam muito, tem que pechinchar e ficar esperto!
      Não sabíamos desse ônibus que sai da zona hoteleira e deixa em frente ao shopping Las Americas. Até tinha um ônibus para voltar à zona hoteleira, mas não mais no horário em que saímos do shopping. E chegaram a nos cobrar 100 dolares o taxi, baixando para 10 dolares quando negamos pagar 100… imagina!
      Para Chichen também vimos que outras pessoas pagaram outros valores, acredito que para outros passeios seja a mesma coisa.
      Aproveita bastante aí! Abraço!!

  12. Pingback: Hotel RIU Palace Peninsula – curtindo all inclusive em Cancun | Pitacos do Casal

Deixe seu comentário - se tiver dúvidas sobre esta postagem, por favor, não mande por e-mail, coloque aqui, pois sua dúvida pode ser a dúvida de outros:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s