Como é o Acampamento Farroupilha, em Porto Alegre?

Vlog do Marcos no Acampamento Farroupilha, em Porto Alegre, e visita à fábrica da Heineken, em Igrejinha/RS.

Anúncios

Viagem à Porto Alegre para a Semana Farroupilha e visita a uma fábrica da Heineken Brasil

A Semana Farroupilha é considerada a maior festa popular do Rio Grande do Sul, um momento de culto às tradições gaúchas. Ela envolve praticamente toda a população do Estado, tantos nos locais organizados para festejos, como em ações do comércio e dos serviços públicos. Acontecem festejos, manifestações culturais, artísticas, mostras, desfiles.

Comemora-se a Revolução Farroupilha, o mais longo e um dos mais significativos movimentos de revoltas civis brasileiros, que aconteceu de 1835 a 1845.

Em Porto Alegre, a Semana Farroupilha tem seu núcleo concentrado no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho, com intensa programação sócio-cultural em meio a um grande Acampamento Farroupilha, que tem duração de quase 30 dias. Lá, são relembrados feitos dos gaúchos do período da revolução, por meio de palestras, espetáculos, lançamento de livros e outros, e chegam a ficar fixos, “morando” no acampamento, cerca de 7 mil pessoas, no período.

A convite da Schin, patrocinadora oficial da Semana Farroupilha pelo décimo ano consecutivo, o Pitacos participou de um dia da Semana Farroupilha, em Porto Alegre.

Lá, o Marcos participou de um churrasco típico gaúcho, no Piquete Rede Pampa, seguido por uma visita à Casa Garibaldi.

Para a Semana Farroupilha 2017, a Schin recriou o jornal “O Povo”, principal publicação da república rio-grandense, que se notabilizou como instrumento de voz dos farroupilhas e circulou entre 1938 e 1840. Foi criada uma sede fictícia do jornal dentro do acampamento Farroupilha, a Casa do Povo, inspirada na casa onde viveu Giuseppe Garibaldi, em Piratini/RS, durante a Revolução Farroupilha.

A casa fica aberta ao público durante o evento – de 7 a 20 de setembro – e traz elementos que fizeram parte da história do jornal e da revolução, com fotos dos personagens da época, uma prensa tipográfica de Minerva, uma mesa interativa com imagens e conteúdos autênticos do jornal, e outras informações sobre a cultura gaúcha. Durante os fins de semana, os visitantes da casa poderão personalizar o periódico com suas fotos impressas na capa do “O Povo”.

O jornal está sendo distribuído gratuitamente no Acampamento Farroupilha e em outros pontos de Porto Alegre, entre 7 e 20 de setembro. São 14 edições, em formato tabloide, com quatro páginas de reportagens, artigos e crônicas sobre os hábitos e o espírito tradicionalista do povo gaúcho, com curadoria do Movimento Tradicionalista Gaúcho.

A Schin também criou uma série de latas comemorativas, com fotos que retratam paisagens e hábitos tradicionalistas, para homenagear a valorização da cultura do povo gaúcho. Foram escolhidas dez fotos, do fotógrafo gaúcho Eduardo Rocha, que estão estampadas nas latinhas da Schin, na série que começou a circular no mercado em agosto.

 

VISITA À FÁBRICA DA SCHIN

O Pitacos teve, ainda, a oportunidade de conhecer a fábrica da Schin, localizada em Igrejinha/RS, que fica a cerca de 90km de Porto Alegre.

Lá, são produzidos 7 rótulos do grupo. A fábrica pertence à Heineken Brasil, que chegou ao país em 2010, e em 2017, adquiriu a Brasil Kirin Holding S.A. e tornou-se o segundo player no mercado brasileiro de cervejas. São 16 fábricas no Brasil, que produzem as linhas de cerveja e bebidas não alcoólicas do grupo. O portfólio de cervejas é composto por Heineken, Desperados, Sol, Kaiser, Bavária, Bavária Premium, Baviera 0,0%, Xingu, Amstel, Kirin Ichiban, Schin, No Grau, Devassa, Baden Baden, Eisenbahn, Cintra e Glacial. Dentre as bebidas não alcoólicas estão refrigerantes, sucos, energético e água como Água Schin, Itubaína, K Energy Drink, Schin Tônica, Skinka, Viva Schin e Viva Schin Mini.

A visita à fábrica é interessante pois pode-se conhecer o sistema de produção e engarrafamento. Em Igrejinha, são produzidos/enlatados 60 mil litros por hora, ou seja, mais de 1,4 milhão de litro por dia, uma produção realmente grande. Lá não é produzida a Heineken, em função de ela precisar de tanques na horizontal para a fermentação da sua cerveja.


Encontro de Cervejeiros incentiva consumo local de cervejas artesanais

Acontece de 3 a 13 de agosto o Encontro de Cervejeiros do Projeto Eu Bebo Cerveja Local, com cervejas artesanais produzidas na Grande Florianópolis.


O Encontro de Cervejeiros do projeto Eu Bebo Cerveja Local (EBCL) contará com 20 marcas de cervejarias artesanais da região de Floripa e o público poderá conhecer e experimentar as cervejas locais. O evento é aberto ao público, gratuito e acontece de terça a sexta, de 3 a 13 de agosto. As cervejas serão comercializadas pelas marcas participantes.

O espaço é no piso L1 do Shopping Iguatemi, ao lado da loja Ri Happy, e lá vão acontecer palestras gratuitas sobre o mundo da cerveja e apresentações de música ao vivo. A programação completa está na página do evento: https://www.facebook.com/Bebacervejalocal/.

As palestras também são abertas ao público, mediante inscrição pelo e-mail eventos@unicamkt.com.br ou pelo link do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/510973485906969/?ti=icl.

O projeto EBCL foi pensado por bares e cervejarias locais para divulgar a cultura dos growlers, garrafa retornável que o consumidor pode reabastecer e levar para casa. O aplicativo Eu Bebo Cerveja Local hoje conta com 40 bares e 20 cervejarias.

Foto: divulgação


Cervejarias artesanais que participam:
The Liffey Brew Pub / Armada Cervejeira / Cervejaria Cozalinda / Cervejaria Klaus Bier / Cervejaria Kairós / Cervejaria Unika / Cervejaria Sambaqui / Cerveja Gallant / Cervejaria da Lagoa / Vodu Cerveja Artesanal / Cervejaria da Ilha / Cervejaria Lay Back / Cervejaria Badênia / Cervejaria Faixa Preta / Istepô Cerveja Artesanal / Cervejaria Bayer Bier / Cervejaria Jester / Cervejaria Weinmann / On Tap Cervejaria / Cervejaria Sunset

SERVIÇO: Encontro de Cervejeiros EBCL no Iguatemi
Quando: de 3 a 13 de agosto
Local: Piso L1, ao lado da loja Ri Happy, no Iguatemi Florianópolis
Horários: de terça a sexta, das 16h às 22h; sábado, das 11h às 22h, e domingo, das 11h às 20h30.
Música ao vivo: todas sextas, sábados e domingos durante o evento.


Divulgação: All Press Comunicação Estratégica

Restaurante que Combina harmoniza cardápios com estilos diferentes de cerveja

Restaurante Que Combina apresentou três propostas de restaurantes e cardápios, em três dias, para harmonizar com os três estilos de Brahma Extra.


Semana passada falamos aqui do evento da Brahma Extra que iria criar três restaurantes totalmente diferentes no mesmo local, por três dias seguidos, para harmonizar cardápios com os três estilos da cerveja. Pois bem, o Restaurante Que Combina aconteceu no fim de semana que passou (14 a 16 de julho), e apresentou aos convidados o Hambúrguer Que Combina, o Italiano Que Combina e o Japonês Que Combina.

Fomos na segunda noite, na qual o Restaurante Que Combina foi transformado em uma cantina italiana. Foram servidos pratos da culinária italiana, preparados pelo chef Guilherme Schwinn, que harmonizaram com a Brahma Extra Red Lager.

Olha algumas das delícias que degustamos por lá:

Foram servidos Agnolotti de calabresa artesanal picante e brodo e Salada caprese de entrada, Gnocchi de mandioquinha fonduta de queijo serrado e passata e Fetutine de limão siciliano e porcini como pratos principais e de sobremesa Tiramissu e Panacota de bergamota.

O chef apresentou o menu, e o mestre cervejeiro da Brahma falou sobre as características da cerveja da noite.

O gnocchi foi o prato desenvolvido que mais combinou com a Brahma Extra Red Lager. Mas confesso que meu prato principal favorito foi o fetutini. Já o Marcos adorou mesmo o gnocchi, então as opiniões ficaram divididas por aqui. De qualquer forma, a cerveja foi servida sempre geladinha, harmonizou bem com todos os pratos!

Nos outros dias o restaurante serviu hambúrgueres, que harmonizaram com a Brahma Extra Lager, e comida japonesa, que harmonizou com a Brahma Extra Weiss. A cada noite a casa foi totalmente redecorada, desde a fachada até as paredes, sendo montado um verdadeiro restaurante todo pensado na temática da noite, tudo para aproximar o público cervejeiro de novos sabores e possibilidades.

Fachada da noite italiana
Foto: Pitacos do Casal

Ambiente das três noites – hamburgueria, italiano, japonês
Foto: Paulinho Sefton / divulgação


 

Fim de semana com harmonização de cervejas no Winter Fest

Winter Fest by Eisenbahn acontece nos fins de semana de julho, a partir do dia 7, com comidas típicas de inverno, música, teatro e brincadeiras.


O Winter Fest Jurerê Internacional by Eisenbahn é um evento que será realizado nos fins de semana de julho (de sexta-feira a domingo), a partir do dia 7, no Jurerê Open Shopping, com entrada gratuita. Contará com gastronomia típica de inverno, apresentações culturais, brincadeiras e apresentações musicais do Jurerê Jazz.

A Estação Eisenbahn, montada para o festival, oferecerá sessões de harmonização com cervejas, aos sábados e aos domingos. Para participar, é preciso ter idade mínima de 18 anos e a inscrição é feita no local, mediante consumo de Eisenbahn no bar do evento.

O chef Jhonatta Luiz Fernandes, do Instituto Gastronômico das Américas (IGA), vai preparar os pratos que vão harmonizar com os estilos Pilsen, Pale Ale, Dunkel e Weizenbier da cerveja.

Vamos ao menu que será oferecido nas sessões de harmonização na Estação Eisenbahn:

– Verrine de folhas verdes, espuma de queijo e croutons para harmonizar com Eisenbahn Pilsen.
– Filet mignon com manteiga de ervas e Baden Weiss para harmonizar com Eisenbahn Pale Ale.
– Beermissu (versão de Tiramissu com Baden Stout) para harmonizar com Eisenbahn Dunkel.
– Bruschetta tradicional para harmonizar com Eisenbahn Weizenbier.


Serviço:

Winter Fest – sextas-feiras das 17h às 22h; sábados e domingos das 13h às 22h

Estação Eisenbahn – sessões de harmonização com capacidade para 20 pessoas por turma
Horários: Sábados às 16h, 17h30 e 19h e Domingos às 15h, 16h30 e 18h
Inscrições: No local, mediante compra de Eisenbahn no bar do evento (maiores de 18 anos)


Divulgação: All Press Comunicação Estratégica

Restaurante temporário apresenta menu exclusivo e harmonização com cervejas

 

Restaurante Que Combina muda a cada dia e oferece ao público de Florianópolis experiência de harmonização com os três estilos da cerveja Brahma Extra


Que tal apreciar três diferentes restaurantes, nesse fim de semana, no mesmo local? A Brahma Extra promove ação, nos dias 14, 15 e 16 de julho, que traz um restaurante diferente por dia, no mesmo local, o RESTAURANTE QUE COMBINA. É em Jurerê Internacional, mas o endereço é secreto, será divulgado aos participantes após confirmação.

Vai ter noite de hambúrgueres, de culinária italiana e de culinária japonesa, cada uma com um chef selecionado que vai produzir combinações exclusivas para cada dia, harmonizando os pratos com os rótulos de Brahma Extra: Lager, Red Lager e Weiss.

Cada noite será única, com um cardápio que, além de receber pratos exclusivos, combinará com a temática e a estrutura que dará a cara ao novo restaurante, fazendo com que os convidados sintam que a cada dia estão em um novo endereço gastronômico da cidade.

14 de julho – A primeira noite será dedicada ao hambúrguer. O Chef Valdir Grillo, consultor e idealizador de cardápios, oferecerá sanduíches, que combinam com a Brahma Extra Lager. O adocicado do puro malte e o leve amargor do lúpulo são uma perfeita combinação com carnes vermelhas e os sabores inusitados das receitas de Grillo.

15 de julho – No sábado, o Chef e Beer Sommelier Gui Schwinn, recebe os participante em clima italiano. Massas e pizzas com ingredientes frescos e sabores incríveis vão combinar com a Brahma Extra Red Lager, produzida com maltes especiais e leve sabor de caramelo, malte torrado e leves notas frutais.

16 de julho – Para finalizar o projeto, o sushichef Emerson Kim, conhecido por sua paixão pelo mar e por pescar alguns dos peixes que prepara, trará o Japão para Floripa, por meio do ambiente temático, que apresentará menu oriental. O cardápio será combinado com a Brahma Extra Weiss, de leve acidez e espuma cremosa, perfeita combinação com peixes e saladas.

Chefs Valdir Grillo, Gui Schwinn e Emerson Kim
Fotos: Divulgação


SERVIÇO:

O QUÊ: RESTAURANTE QUE COMBINA
QUANDO: De 14 a 16 de julho de 2017
LOCAL: Jurerê Internacional, Florianópolis/SC
RESERVAS:
R$ 200,00 para 2 pessoas – Menu degustação e bebidas inclusas
Enviar e-mail para: concierge@haute.com.br


Divulgação: Koi Comunicação

Cervejaria Devassa apresenta cardápio repaginado com opções individuais

A Cervejaria Devassa repaginou seu cardápio, e apresentou novas opções em uma noite de degustação e harmonização para jornalistas e influencers. Fomos conferir algumas dessas novas opções e mostramos aqui para vocês!

Já vale dizer que o cardápio apresenta mais porções individuais. Quem frequenta a casa sabe que no cardápio anterior as porções eram grandes, para grupos maiores. Agora cada um escolhe o que preferir, sem se preocupar em agradar o amigo rsrs.

Primeiro foi servido o Frangarinho, frango a passarinho com molho a base de melado, gengibre e tabasco. Nós não achamos muito picante, mas não sei se somos exatamente parâmetro para medir picância, já que gostamos bastante de molhos apimentados! Eu diria que pode ir sem medo, mesmo quem não é fã de pimenta. Foi harmonizado com o chope Loura, tropical lager leve e refrescante.

Porção de Frangarinho

Frangarinho com chope Loura

Em seguida foi apresentado o Casadinho, porção de croquetes de carne seca com aipim acompanhados de mostarda escura. A mostarda faz toda a diferença positiva para acrescentar um sabor mais forte! Foi harmonizado com chope Sarará, tipo Weiss, ou de trigo. Também é leve e refrescante, e foi nosso preferido da noite!

Porção de Casadinho

Casadinho com chope Sarará

Chope Sarará

Depois vieram as Tapioquesas, bastões de tapioca recheados com calabresa e queijo coalho, acompanhados de melado de cana. Fez um super sucesso na mesa! Achei o melado muito doce, mas harmonizou muito bem com o chope Ruiva servido, pale ale, encorpado e mais amargo, que quebrou bem o doce do melado.

Tapioquesas com chope Ruiva

Na sequência vieram as chapas quentes Bonitão e Lamparina e Gaúcho Chapadão. A Bonitão e Lamparina traz carne seca desfiada, puxada na cebola, pedaços de aipim frito, farofa especial, porção de feijão e manteiga de garrafa. A Gaúcho Chapadão traz fraldinha ou alcatra grelhada com chips de batata, acompanhada de farofa. Hummmm já salivei com essas carninhas! Essas porções servem bem duas pessoas, ou pelo menos pessoas gulosinhas como eu e o Marcos.

Gaúcho Chapadão

Por fim, mas não menos importante, veio o Mignon de amigos, tiras de mignon, cebola em cubos, cobertos com muçarela derretida e bacon, acompanhando pão de cerveja. Esse foi, aliás, o prato que mais quis provar quando li o cardápio! E não me decepcionei. Foi harmonizado com o chope Negra, dark ale, mais encorpado e cremoso.

Mignon de amigos

Fomos numa quinta-feira, dia que a Cervejaria Devassa tem karaokê. Gente, que coisa mais divertida! O pessoal se esbaldou cantando, pitaco para ir com os amigos para rir e se divertir!

O evento foi coordenado pela querida Giuliana Korzenowski, assessora de comunicação do Grupo Novo Brasil, e o cardápio foi apresentado pelo chef Helcio Souza.


Endereço: R. Bocaiúva, 2198 – Centro, Florianópolis – SC, 88015-530
Site: http://www.cervejariadevassa.com.br


Valores na nossa visita, em 30/03/2017:

Frangarinho – R$24,90
Casadinho – R$22,90
Tapioquesas – R$18,90
Bonitão e Lamparina – R$69,90
Gaúcho Chapadão – R$59,90
Mignon de Amigos – R$39,90
Chope Loura 500 ml – R$17,90
Chopes Ruiva e Negra 500ml – R$20,90
Chope Sarará 500 ml – R$23,90