Restaurante Tequilaville é Mexicano de Verdade

O Tequilaville é um restaurante temático, com gastronomia típica mexicana. Mas vai além da culinária mexicana que estamos acostumados por aqui. As três sócias, que criaram o Tequilaville a partir de uma viagem ao México, na qual se encantaram com a cultura e com a gastronomia, tentam oferecer ao máximo uma cozinha autêntica mexicana, e assim foi criada a campanha #MexicanoDeVerdade.

Fomos conhecer a casa em um jantar na qual foram apresentados pratos clássicos da casa e algumas novidades que, em breve, vão entrar no cardápio.

Fomos recebidos com porções de Salsas mexicanas e Totopos, Camote com sal de Gusano e Chicharron de queso. O Chicharron de queso é um torresmo de queijo, fininho e crocante, e camote é como são chamadas as batatas doces no México, aqui servidas como chips foram sucesso. Os totopos são tortillas cortadas em triângulos e fritas, e casam bem com as salsas mexicanas: guacamole, pico de galo com manga, creme azedo, frijoles refritos, chopotle, molho vermelho (salsa roja) – ótima pedida para petiscar enquanto degusta alguns drinks ou cervejitas.

Salsas mexicanas com totopos

Salsas + molho de pimenta da casa

Chicharron de queso

Ainda nas opções de entradas, provamos o Ceviche de Camarones Y Sandia – camarões frescos marinados no suco de limão com pedaços de melancia) – que é super leve e refrescante, e o Molote – bolinho de milho, recheado com purê de batatas, linguiça defumada e queijo fresco – um dos meus preferidos da noite.

Ceviche de Camarones Y Sandia

Molote

Passando para os tacos, foram servidos taco Al Pastor (com carne suína e abacaxi) e Taco Arranchera de Res (com carne bovina).

Achei o gosto das tortillas nas quais são servidos os tacos bem diferente do que estamos acostumados por aqui. Elas são produzidas ali mesmo, de forma bem artesanal, conforme a chef e sócia Bel Hagemann aprendeu no México. São usados somente milho e água, e o milho é orgânico, adquirido de produtores locais. Fiquei com a sensação de estar experimentando uma comida típica que nunca tinha provado – nem mesmo no México, pois onde passamos por lá também já era mais puxado para o gosto dos americanos.

Taco Al Pastor

Taco Arranchera de Res

Dentro dos pratos principais, provamos o Chile en Nogada – pimentão assado recheado com pernil suíno, amêndoas, uva passa, banana, pêra e maçã, com molho de nozes e romã – e Pato ao Mole Negro, que retorna ao cardápio. Não sou muito chegada em pimentão, e gostei do Chile en Nogada, bem molinho, equilibrado com o recheio e o molho. Não identifiquei exatamente as frutas do recheio, mas gostei do resultado final. O Pato é servido com molho de cacau e uma base de purê, aprovado pelo Marcos.

Pato ao Mole Negro

A casa oferece uma diversidade enorme de molhos de pimenta, mas são conhecidos por seus molhos próprios, nas variedades tabasco, jalapeño, habanero e malagueta, fabricados no restaurante, e que também podem ser comprados para serem levados para casa. São uma delícia, quem gosta de pimenta, não pode deixar de provar.

Estoque de molhos de pimenta

Para finalizar nossa experiência de um #MexicanoDeVerdade, provamos Leche Frito con Celaya e Flauta Doce. O Leche é leite frito à milanesa e sorvete de chocolate com pimenta, para quem procura gostos mais tradicionais da gastronomia mexicana. A Flauta Doce é com tortilla de trigo, maçã, pera, nozes, baunilha e mel de agave. Não senti as frutas, mas ficou uma delícia, especialmente porque foi servido com doce de leite! Infelizmente deixei para comer quando estavam acabando, e comi só um pedacinho, preciso provar mais da próxima vez!

Vale dizer que muitos pratos não contêm glúten e o restaurante oferece também um taco vegetariano.

Quanto às bebidas, a carta de drinks é ampla, com coquetéis a base de tequila e rum – Margaritas, Mojito, Daiquiri, para citar alguns. E ainda são servidas cervejas Sol Mexicana, Dos Equis, Desperados e Corona, além da Michelada – cerveja Sol, sangrita, suco de limão e sal.

Daiquiri de morango

Drinks em copos divertidos

Toda essa imersão na culinária mexicana é feita em um ambiente descontraído, com decoração colorida e animada e objetos artesanais trazidos do México.

Tequilaville

Tequilaville

 


Endereço: Rua Desembargador Pedro Silva, 2019, Coqueiros – Florianópolis/SC


Valores na nossa visita em outubro/2017:

Salsas mexicanas (molhos e totopos) – R$14,00
Salsas – R$5,00 (cada sabor)
Totopos – R$8,00
Camote com Sal de Gusano – R$10,00
Chicharron de Queso – R$26,00
Ceviche de Camarones Y Sandia – R$28,00
Molote – R$12,00
Tacos Al Pastor e Arranchera de Res – R$9,00
Chile en Nogada – R$21,00
Pato Mole Negro – ainda não estava no cardápio
Leche Frito con Celaya – R$14,00
Flauta Doce – R$18,00
Coquetéis – R$20,00 a R$26,00
Cervejas – R$8,00 a R$12,00

 

Anúncios

Jantares com cardápios executados por estudantes de gastronomia, no Emporium Bocaiúva

Toda terça-feira, no Emporium Bocaiúva, acontece a parceria entre o Emporium e a Faculdade Estácio, na qual o estabelecimento recebe um estudante do curso de gastronomia para comandar um jantar. A ideia é trazer um cardápio diferente, apresentado pelo estudante, com um valor convidativo para o público curtir o happy hour.

Em cada edição, participa um estudante, que traz um menu diferente. Fomos na edição comandada pelo chef Alisson Alves, que ofereceu a noite da pizza. Foram oferecidos crostinis como entradas, pizzas salgadas e doces. As pizzas eram tamanho broto (22 cm), com 4 fatias, no valor de R$28,60 cada. Provamos uma salgada e uma doce, e adoramos a qualidade. A massa, preparada na hora, era fina na base, um pouco mais gordinha e macia nas bordas. Escolhemos a salgada Presunto Parma, e doce de Chocolate ao Leite.

Pizza Presunto Parma

Pizza Chocolate ao Leite

Estudantes responsáveis pela noite das pizzas

Como mencionei, em cada edição é um novo estudante, então nossa sugestão é ficar ligado no instagram do Emporium: www.instagram.com/emporiumbocaiuva para conferir qual o menu da próxima terça-feira, que é divulgado normalmente na segunda-feira anterior ao evento.


Endereço: Rua Bocaiúva, 1901, Centro, Florianópolis/SC


 

Tesouro do Oriente – comida árabe em clima de tradição oriental

Recentemente (agosto de 2017), o restaurante Tesouro do Oriente abriu as portas, no Centro de Floripa, com loja, cardápio árabe e ótimos vinhos na adega.

Fomos lá, a uma degustação de vinhos catarinenses e espanhóis, acompanhada de sequências árabes da casa, e adoramos as opções.

Todos os pratos podem ser pedidos separadamente, mas eles também contam com alguns combinados, que traz um pouco de cada.

Iniciamos nossa harmonização com o Combinado Biblos, com quibe cru, coalhada, hommus, babaganoush, tabule, e em seguida provamos o Combinado Tripoli, com esfiha de carne, arroz Mjadara, quibe frito, salada fatouch, kafta. Na verdade, a salada do Tripoli é o tabule, mas como teve tabule no combinado anterior, no segundo foi substituído pelo fatouch.

Combinado Biblos

Combinado Tripoli

Os pratos vieram acompanhados de pão sírio, e estava tudo muito bem preparado. Adorei as pastas, e até o Marcos que não é muito fã de comida árabe aprovou tudo e comeu com gosto! Rsrs

Provamos, ainda, o falafel, bolinho de grão de bico, que foi o que menos fez sucesso na mesa. Minha sugestão fica para os quibes e pastinhas.

Falafel

De sobremesa, foi oferecido um iogurte natural com geleia de damasco, produzida ali mesmo. Estava bem leve e bem doce. Mas ela não está no cardápio, então quem quiser, tem que conferir com eles se está sendo servida no dia.

Sobremesa

Foram apresentados alguns vinhos disponíveis na casa, catarinenses e espanhóis, selecionados por sommeliers que auxiliam na escolha dos rótulos do restaurante.

Vinho branco espanhol selecionado

Vinho tinto espanhol selecionado

Como o restaurante é integrado com a loja, o espaço é todo ornado com produtos do Oriente, o que traz um ar de cultura oriental a todos os cantos.

Restaurante


Endereço: Rua Bocaiúva, 2224, Centro, Florianópolis/SC


Valores em nossa visita, em setembro/2017:

Combinados – R$77,00
Falafel – R$21,00

 

Blend Gourmet – hamburgueria com mistura boa, no centro de Floripa

A Blend Gourmet é uma hamburgueria super charmosa, no centro de Floripa.
O nome veio da mistura de tendências europeias que inspiraram a decoração e o cardápio, e o blend deu muito certo. O ambiente é moderno, confortável e aconchegante, com boa iluminação e um som ambiente que permite uma conversa tranquila entre os comensais.

O cardápio conta com opções de entradas, saladas, hambúrgueres, sobremesas, drinks e chopes.

A parte dos burgers é bem fácil de escolher, há o The Blend, o “da casa”, com blend bovino com toque de bacon, e burgers com linguiça Blumenau, cordeiro, picanha, salmão e vegetariano. Os burgers são acompanhados de batata doce frita, batata frita, batata rústica ou onion rings, e de molho do chefe, golf, barbecue, mostarda ou natural.

Para provar um pouquinho de vários, escolhemos o Blend Experience, que traz 3 mini hambúrgueres (The Blend, Blumenau e Picanha). O The Blend é com blend bovino com toque de bacon, servido no pão ciabatta, com mozarela, cebola caramelizada no shoyo, tomate e alface. O Blumenau é com blend suíno, servido no pão australiano, com queijo provolone, cebola caramelizada no shoyo, tomate e alface. E o Picanha é hambúrguer de picanha, servido no pão brioche, com queijo do reino, cebola caramelizada no shoyo, tomate e alface. Gostamos de todos e nosso preferido foi o Picanha. O Marcos gostou do jeitinho que veio, mas meu pão favorito foi o australiano, provavelmente numa próxima visita vou pedir o Picanha no pão australiano (se permitirem trocas).

Blend Experience

O Blend Experience vem com molho (escolhemos a do chefe, uma maionese verde), mas não vem o acompanhamento. Pedimos, então uma porção de batata rústica. Nas batatas, sentimos falta de um pouco mais de sal e alecrim.

Porção de batatas rústicas

Adoramos provar drinks e sempre procuramos conhecer o que as casas oferecem e avaliar seu diferencial, mas dessa vez ficamos no chopinho. São servidos chopes Schornstein e Stella Artrois.

Chope para acompanhar


Endereço: Rua Desembargador Arno Hoeschl, 279 – Centro, Florianópolis/SC


Valores na nossa visita em agosto/2017:

Blend Experience – R$35,00
Porção Batata Rústica – R$18,00 (250g)
Chope Stella Artrois – R$8,50 (275ml)

 

Bar BeCool – drinks, cervejas e comida de boteco de qualidade

O Bar BeCool é um bar super descontraído, que serve drinks especiais, chopes artesanais e comidinhas de boteco de excelente qualidade. Os proprietários, formados em gastronomia, quiseram trazer para um ambiente agradável um cardápio simples, mas bem saboroso.

Bar BeCool

Para matar a fome ou acompanhar a conversa entre amigos, a casa oferece hambúrgueres e porções.

Dentre as porções de “fritaceira”, provamos o bolinho de feijoada, o bolinho de camarão, a coxa creme e a galinha fritadinha. Meu preferido foi o bolinho de feijoada, porque adoro feijoada, e os bolinhos ficaram bem saborosos. Mas o bolinho de camarão não ficou muito atrás não rsrs. A coxa creme é uma coxinha de frango envolta em uma massa de nata e provolone; essa massinha é muito boa, mas a quantidade de carne da coxinha é pouquinha, então espere mais sabor que quantidade. Já a galinha fritadinha é uma porção de tiras de frango fritas (chicken fingers), bem servida, ideal para ficar beliscando enquanto degusta um bom chope rsrs!

Bolinho de feijoada

Bolinho de camarão

Coxa creme

Galinha fritadinha e os molhos da casa

Todas essas porções acompanham uma opção de molho. Como estávamos degustando com um grupo maior, pegamos uma de cada: barbecue, maionese verde, maionese de limão, geleia de abacaxi com pimenta e mostarda e mel. Aqui é difícil eleger “o melhor”, pois cada um combina mais com algum prato. De qualquer forma, eu achei o barbecue o mais marcante. O mostarda e mel achei muito doce, mas já o Marcos gostou!

Passando para os burgers, o cardápio inclui hambúrguer de siri, de couve e opções de fraldinha que variam no complemento (tem 1- com muçarela, coleslow, bacon e barbecue, 2 – com cheddar, bacon, cebola caramelizada e barbecue, e o mais clássico 3 – com muçarela, alface, tomate, bacon e maionese verde). Tem ainda sanduíches de costela suína e ciabatta vegana com cogumelo shitaki.

Para sair um pouco do “mais comum”, fomos de Hambúrguer de Siri e CoolBurger, que leva coleslow. O hambúrguer de siri é feito de moqueca de siri, sim, primeiro eles preparam a moqueca, para depois montar os burgers. É bem gostoso, bom para quem está com vontade de uma opção mais leve, mas não mata aquela vontade de burger de carne… O Coolburger também agradou! Como não iria agradar, com queijo, bacon e molho barbecue? O coleslow não roubou a cena, então não precisa ter medo.

CoolBurger

E para a vontade de doces, tem sobremesas no cardápio também: Alegria no Palito (chocolate Snickers empanado na massa de bolinho de chuva frito e calda de Nutella), American Way (sanduíche de waffle com recheio de sorvete Amoratto, galeia de amora e calda de Nutella) e Yin Yang (brownie de Nutella da Browneria com sorvete de creme Amoratto e Tubette). A Alegria no Palito achei muuuuito doce (o que pode ser uma boa qualidade, dependendo da formiguice, né?), e o American Way achei muito massudo para uma sobremesa, mas comeria amarradona como café da manhã ou lanche! Hahahaha Para os chocólatras de plantão (como nós), o Yin Yang acerta em cheio: brownie com sorvete, adoramos!

Sobremesas

Passando para o lado “bar” do Bar BeCool, vamos aos bebes.

O cardápio de chopes não é fixo, pode alterar a cada dia, mas fica exposto bem na entrada do bar. São 6 taps por dia, com marcas e estilos diferentes. Para quem não conhece muito das opções, o pessoal do bar ajuda a escolher, explica, pergunta sobre seu gosto e sugere algum tipo.

Chope geladinho

Na parte de drinks, há opções clássicas como Moscow Mule, Mojito, Caipirinha, Gin Tônica e Cosmopolitan, e drinks autorais como o Hibiscus e o O Iluminado. Tem, também, o resgate de um clássico não tão popular por aqui: o New York Sour, drink com whisky e vinho. Sobre os clássicos que provamos, consideramos todos bem executados, gostosos, sem querer inventar onde não se deve mexer. Já sobre os drinks autorais, achamos os dois interessantes. O Hibiscus, com chá de hibisco, vodka, mel, suco de laranja e aperol é leve, refrescante, bem doce. O O Iluminado, com purê de damasco, cachaça, suco de laranja e gotas de pimenta é mais forte, deixa aquele ardor da pimenta no final, e é o mais divertido, servido em um frasco em formato de lâmpada.

O Iluminado e Hibiscus de fundo

New York Sour

Moscow Mule

Mojito

O atendimento é atencioso e simpático, os proprietários e garçons explicam o que quisermos saber acerca do cardápio, das cervejas e dos drinks. Como escrevi no início, o ambiente é descontraído, ideal para um happy hour com os amigos, com boa comida e variedade nos drinks e cervejas.

A casa tem alguns jogos de tabuleiro para emprestar para os clientes, mas não chegamos a ver quais eram as opções. No andar de cima, tem uma mesa de sinuca, de uso gratuito, para quem reservar ou para quem chegar primeiro, se não houver reserva.


Endereço: Rua Lauro Linhares, 1015, Trindade, Florianópolis/SC


Valores em nossa visita em agosto/2017:

Bolinho de feijoada – R$17,00 (8 unidades)
Bolinho de camarão – R$18,00 (8 unidades)
Galinha Fritadinha – R$15,00 (350g)
Coxa Creme – R$17,00 (4 unidades)
Hambúrguer de siri – R$26,00CoolBurger – R$24,00
Alegria no Palito – R$12,00
American Way- R$17,00
Yin Yang- R$16,00
Chope – R$10,00 (300ml) / R$14,00 (400ml)
Moscow Mule e New York Sour – R$18,00
Mojito – R$17,00
Hibiscus e O Iluminado – R$16,00

Jantar harmonizado no Shack Restaurant

Aberto há poucos meses, o Shack Restaurant ainda é novidade em Floripa. Pelo menos era para nós, que fomos conhecer agora em agosto.

Aberto, normalmente, de sexta-feira a domingo, no dia 17, uma quinta-feira, o restaurante abriu para um jantar harmonizado, preparado a quatro mãos, pelos chefs Nivaldo Souza e Demétrio Melo. O chef Nivaldo é um dos responsáveis pelo Shack, e o chef Demétrio Melo comanda o Restaurante Primo, na Praia do Rosa, em Imbituba/SC. Eles prepararam um jantar com base na culinária fusion, com influência forte em temperos asiáticos, com sete pratos que harmonizaram com vinhos nacionais e internacionais.

 

O CARDÁPIO
Green Papaya Salad – salada de papaya verde, vegetais e camarões secos ao estilo tailandês levemente picante
e Corn Stick Nolitta – milho grelhado no palito com manteiga de manjericão, páprica picante e molho de queijos especial
Espumante Mumm Brut (Argentina)
Tuna Tartare – tartar de atum com caviar de peixe voador marinado no molho de wasabi
Vinho Branco Chardonnay Sauvignon Viapiana Green (Brasil)
Tranche – tranche de linguado selado no missô com mini brotos.
Vinho Branco Portillo Sauvignon Blanc (Argentina)
Chicken Satay – espetinhos de frango ao molho de amendoim ao estilo balinês
Vinho Rosé Mateus (Portugal)
Pork Lemon Grass – cubos de barriga de porco braseada, marinadas com molho lemon Grass, sob salada de acelga ao molho estilo coreano
Vinho Rosé Claude Val (França)
Beef Lolipops – pirulitos de filé marinados em glace de gergelim e especiarias
Vinho Tinto Alta Vista Malbec (Argentina)
Sobremesa – Tartalet Brulee de amêndoas e laranja assada na brasa
Vinho do Porto Vieira de Souza (Portugal)

 

Green Papaya Salad e Corn Stick Nolitta

Tuna Tartar

Tranche de linguado

Chicken Satay

Pork Lemon Grass

Beef Lolipops

Tartelet brulee de amêndoas

 

O jantar foi leve e saboroso, com uma bonita apresentação dos pratos. Sentimos falta de sal em alguns dos pratos, apesar dos temperos asiáticos na composição, que, para nosso paladar, poderiam estar um pouco mais acentuados.

Apesar de terem sido servidos sete pratos na sequência, eram todos pequenos, e não foi uma refeição exagerada. Na verdade, as porções poderiam ser um pouquinho maiores, para ficarmos 100% satisfeitos. De toda forma, foi como um menu degustação, com algumas opções variadas, ótimo para conhecer um pouco mais do que os chefs têm para apresentar. Gostamos também de todos os vinhos servidos.

O valor desse jantar harmonizado foi de R$180,00 por pessoa ou R$350,00 o casal, que a princípio parece elevado considerando o tamanho das porções e a quantidade de vinho servido (uma taça por prato), porém não sabemos o valor dos vinhos para mensurar o custo.

O ambiente é muito bonito, amplo e com decoração sofisticada. A luz é baixa, que dá um ar intimista (mas não é bom para fotos rsrs), e o atendimento é bem disposto e atencioso.

Não vamos dar pitacos em relação ao cardápio fixo do restaurante, pois provamos apenas os pratos oferecidos no evento. Mas é um ambiente agradável, e ficamos com vontade de voltar e conhecer mais do que a casa oferece.


 

Festival gastronômico no Il Campanario tem fondue, feijoada e moqueca

No fim de semana do Dia dos Pais, ficamos hospedados no Il Campanario Villaggio Resort, em Jurerê Internacional, para conhecer o pacote Eat & Stay Experience, que combina a hospedagem no hotel com o festival gastronômico oferecido no Restaurante La Fontana, que fica dentro do hotel. Filmamos tudo para mostrar no canal do Pitacos no Youtube, e na sequência também postaremos aqui no blog mais essa opção de hospedagem em Floripa.

Mas nesta matéria vamos falar do Festival Gastronômico oferecido pelo La Fontana e Il Campanario, que também é aberto ao público não hospedado.

 

QUINTA-FEIRA

No jantar das quintas-feiras estava sendo oferecido o Festival de Sopas, que está no vídeo sobre o hotel, mas não vamos dar mais detalhes pois foi suspenso.

 

SEXTA-FEIRA

Nas sextas-feiras (19h30 às 23h) é oferecido o Festival de Fondues, com opções de carne, queijo e chocolate. O fondue de queijo é acompanhado de pão, batata, tomate cereja, salsicha, brócolis e biscoito de polvilho. O fondue de carne é aquele com a panela de óleo para fritar, e não a chapa para grelhar as carnes. Vem com pedaços de mignon, alcatra, porco e frango e quatro opções de molhos. Por fim o fondue de chocolate é acompanhado de frutas como banana, morango, uva, kiwi e abacaxi e ainda marshmallow e bolacha wafer. Gostamos de tudo e saímos bem satisfeitos.

Quem não está hospedado no Il Campanario e levar criança acima de cinco anos, pode usufruir do espaço kids do hotel, que funciona até às 22h, e o estacionamento é gratuito para casal (se estiver somente uma pessoa no carro, é cobrada a hora).

No pacote Eat & Stay, estão incluídos os fondues de queijo e de chocolate, e o de carne é por adesão.

Fondue de queijo

Fondue de carne

Fondue de chocolate

 

SÁBADO

Sobre a feijoada oferecida nas tardes de sábado, vou remeter a uma postagem anterior, pois já havíamos ido à Feijoada com Samba Raiz antes, e fizemos uma matéria completa somente sobre ela, veja aqui.

Feijoada completa

 

DOMINGO

Aos domingos, no almoço, é oferecido o Festival de Moqueca. Tem moqueca de peixe, de camarão e de frutos do mar. Como a Moqueca de Peixe é a opção incluída no pacote Eat & Stay Experience, foi esta que provamos. E estava muito boa mesmo. Digo isso porque nem eu nem o Marcos somos muito fãs de moqueca, mas ambos aprovamos e comemos tudinho! A moqueca é servida numa panela de barro trazida à mesa, com acompanhamentos: arroz, pirão, farofa, batata noisette e banana frita. As porções dos acompanhamentos consideramos bem pequenas, para nós cada uma apresentada seria individual, acabamos pedindo arroz, batatas e banana extra (porções extras são cobradas à parte). Mas no sabor estava tudo ótimo!

Moqueca de peixe

 

O cardápio de todo o festival é assinado pelo chef Rafael Campagnolo.

Fica o pitaco para aproveitar uma janta especial com fondue na sexta-feira, e a feijoada e a moqueca para curtir um almoço descontraído no fim de semana!

Essas opções estão disponíveis até 17 de setembro.


Endereço: Avenida dos Búzios, 1760 – Jurerê Internacional, Florianópolis/SC
Site: http://www.jurere.com.br/hoteis/il-campanario/


Valores em agosto/2017
Festival de fondues – R$69,00 individual e R$120,00 o casal
Feijoada com Samba Raiz – R$68,00 + 10% por pessoa
Moqueca de Peixe – R$95,00 para duas pessoas

Fomos a convite do Il Campanario, por meio da assessoria realizada pela Amplocom Soluções em Comunicação.